Guia Comercial Online de Carpina e Região

Vereador Tota Barreto foi preso na "Operação Caça Fantasma" da Polícia Civil

Foi deflagrada pela Polícia Civil de Pernambuco, na manhã da última quarta-feira (23), a ‘Operação Caça Fantasma’, que tem por objetivo investigar o desvio de dinheiro público na Câmara de Vereadores de Carpina, na Zona da Mata Norte do estado.

Segundo a polícia, um dos principais alvos era um ex-presidente do Legislativo Municipal, entre 2013 e 2014, o parlamentar Tota Barreto, que foi preso preventivamente por volta das 7h.

Na operação foram cumpridos seis mandados de prisão preventiva, três de prisão temporária, 16 de busca e 

apreensão e outros seis de condução coercitiva, quando alguém é levado forçadamente para prestar depoimento. Participaram da ação 100 policiais civis, entre delegados, agentes e escrivães.

Essa operação teve início há oito meses. Estão sendo investigados os crimes de peculato, apropriação, estelionato, falsificação de documento público e associação criminosa. De acordo com o delegado Nehemias Falcão, diretor do Departamento de Polícia do Interior 1, o vereador Tota Barreto é um dos líderes do grupo. A quadrilha usava empréstimos consignados para arrecadar dinheiro de forma ilícita. "As pessoas estão sendo investigadas e não vamos repassar nomes para não atrapalhar o trabalho policial", declarou.

Todos os materiais apreendidos foram encaminhados ao Departamento de Repressão aos Crimes Patrimoniais (Depatri), no bairro de Afogados, Zona Oeste do Recife.