Seu canal de Notícias de Carpina e Região

Vídeo - Mulher foi presa por chamar policial de "negão" no Paraná

Uma mulher foi presa por cometer injúria racial contra um policial militar negro na ciade de Campo Mourão, na região centro-oeste do Paraná.

A mulher teria se apresentado como agente da Polícia Federal e afirmou que trabalhava na equipe do juiz Sérgio Moro. O caso aconteceu na tarde do último domingo (25). A confusão começou quando o filho dela foi preso por dirigir embriagado e também ter desacatado policiais. Ele estava fazendo manobras arriscadas e acabou perdendo o controle do veículo e batendo o automóvel na porta de uma confeitaria.

Quando a mãe do rapaz chegou, ela começou a discutir com os policiais e em seguida fez ofensas racistas ao policial militar, que é negro. Segundo o tenente Francelino, a mulher proferiu palavras que ofendeu a honra do policial, o chamando de macaco, negão e outros nomes, até mesmo após a chagada a delegacia.

Confira abaixo o vídeo do momento da prisão da mulher.

Últimos Anúncios